terça-feira, 28 de junho de 2011

Estou sem inspiração


Estou sem inspiração, pois o frio acho que congelou meu cérebro.
(eu sorrio). Tento achar um motivo, tento encontrar palavras, mas
elas se calam diante de minha frieza de pensamento. Paro na tentativa
de aquecer meus pensamentos. Concluo: Não adianta forçar as palavras
porque quando elas vem, vem como um riacho de águas que correm sem
cessar, vem como as ondas do mar inundando as areias, trazendo sempre
algo de bom. Somente me resta esperar, dizem que a pressa é inimiga da
perfeição. Talvez daqui a uma hora ou duas, talvez daqui alguns dias,
minhas mãos se movam em direção as palavras e o calar já não existirá mais.

Um comentário:

  1. Quase nunca nos damos conta de que o copo precisa esvaziar-se do vazio para tornar-se cheio.
    Meu respeitoso abraço a uma amiga muito especial.

    ResponderExcluir

O dia e a noite

O dia e a noite nos remete a luz e a escuridão. Mergulhamos na escuridão da nossa alma, para trazer a tona a luz que ilumin...