Páginas

domingo, 26 de junho de 2011

Se o tempo falasse


Se o tempo falasse, ele diria tudo de mim, do que passei, do que
ansiei para conseguir. O tempo, companheiro de jornada, contou
todas as horas, sinalizou as datas mais importantes, as preferidas.
Corri quando tive que correr, parei quando o tempo disse stop, e
ele disse na hora certa. Se o tempo falasse, eu teria mais chance,
teria entendido os sinais, melhor do que podia. Teria sido mais
compreensiva comigo mesmo e saberia esperar mais, tendo mais
esperança, mais fé no futuro. O tempo passou, mas sei que ainda
 há tempo de recomeçar e fazer um novo fim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário