quinta-feira, 14 de julho de 2011

Chove muito lá fora


Chove muito lá fora neste momento e aqui dentro do
meu peito sinto um aperto, é como se meu coração
parasse de bater. Lágrimas nos olhos não tenho, mas
sei que preciso chorar e aliviar a alma pesada que
abraça  meu ser. Respiro fundo para descarregar as más
energias e já estou pensando: - Como será o outro dia?
Chove lá fora neste momento e a vida continua seu curso,
nada pára tudo se transforma, os pensamentos, as pessoas
mudam e eu com medo de não conseguir mudar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O dia e a noite

O dia e a noite nos remete a luz e a escuridão. Mergulhamos na escuridão da nossa alma, para trazer a tona a luz que ilumin...