domingo, 24 de julho de 2011

Meus medos


Tem vezes que esqueço meus medos, jogo alto
na tentativa de não falhar, enfrentando ventos
em tempestades, nesta minha vida as vezes vazia.
Tem vezes que esqueço meus medos  e aposto
na sorte desafiando a morte. Faço do meu sonho
uma realidade que não pode se concretizar, mas
penso ser real enquanto sonho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O dia e a noite

O dia e a noite nos remete a luz e a escuridão. Mergulhamos na escuridão da nossa alma, para trazer a tona a luz que ilumin...