sábado, 25 de agosto de 2012

Chove serenamente















Chove serenamente lá fora e os pássaros não cessaram de cantar.
Os pássaros cantam todos os dias em minha janela, parece uma
sinfonia, mistura de cantos, "sabiás" e "bem te vis".
Estão felizes como estou aqui, tentando manter os pensamentos
nesta sintonia boa.
Pingos da chuva que caí, janelas molhadas tudo no mesmo ritimo da
paz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O dia e a noite

O dia e a noite nos remete a luz e a escuridão. Mergulhamos na escuridão da nossa alma, para trazer a tona a luz que ilumin...