Páginas

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Alegria
















Quero sorrir, o riso mais alegre que meu rosto já pode ter.
Quero sorrir e fazer sorrir o que chora, o que implora.
Quero sorrir, morrer de rir, que nesta vida não me falte alegria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário