Páginas

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Lá vai ela














Lá vai ela, toda bela, roupas ao vento, esbelta.
Não sei o seu nome e se veste de branco caminhando
na praia.
Sereia mulher, o que você quer? Enfeitiçar com seu
canto todo homem que passa no compasso das horas
em que passeia a beira mar.
Amar...amar...amar...

Nenhum comentário:

Postar um comentário