Páginas

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Ah, se pudéssemos
















Ah, se pudéssemos contolar nossos pensamentos,
nossos vícios aparentes.

Ah, se pudéssemos mudar o curso da história, sem
atingir ninguém no agora.

Ah, se pudéssemos escolher a quem amar e fazer  o
bem sem demora.

Ah, se pudéssemos fazer tudo como num passe de
mágica, seria uma benção, uma glória.

Nenhum comentário:

Postar um comentário