Páginas

sábado, 4 de janeiro de 2014

Não tenho tempo






















Não tenho tempo para tristezas sem sentido,
quero a alegria real de uma mão amiga
estendida nos momentos mais difíceis.
Não tenho tempo para fazer inimigos e
conservar os antigos, porque quero paz em
meu coraçãoe a alma vestida de amor.
Não tenho tempo para pessoas falsas e sim
caridades verdadeiras sem segundas intenções
que nos elevam humildemente em nossa
evolução.

Nenhum comentário:

Postar um comentário