quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Olhando para dentro.



 











Quando me olho e me enxergo como realmente
sou, me desfaço de todo sentimento mesquinho,
de todos os vícios da alma, das inseguranças
encontrando em mim somente o amor e então
me liberto, porque me reconheço com todos os
meus defeitos percebendo que todos somos
imperfeitos, começando por me perdoar,
perdoando os outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O dia e a noite

O dia e a noite nos remete a luz e a escuridão. Mergulhamos na escuridão da nossa alma, para trazer a tona a luz que ilumin...